Venda ilegal de órgãos pelo Facebook é descoberta por jornal

Redação VN

Uma investigação conduzida pelo jornal britânico “Mirror” descobriu que existe um comércio ilegal de órgãos via Facebook: pessoas que vivem na miséria são contactadas por “agentes” que as convencem a vender seus órgãos por valores que variam de £ 1.200 a £ 75 mil, o equivalente a R$ 6 mil e R$ 375 mil, para moradores do Reino Unido que estão à espera de transplantes.

Gangues criminosas operam como “agentes corretores”, criando ofertas que conectam alguns dos 10 mil britânicos que necessitam de órgãos e doadores pobres em países como Paquistão e China.

Especialistas alertaram sobre o risco de contração de uma série de infecções, incluindo o vírus HIV, através da compra de órgãos ilegalmente. Segundo o jornal, quase metade das pessoas que realiza um transplante com órgãos adquiridos de forma ilegal tem uma infecção grave. Os pacientes também têm sete vezes mais chances de morrer do que aqueles que recebem um transplante da forma convencional.

Um doador paquistanês de 41 anos, chamado Muhammad Asghar, disse que estava disposto a vender seu rim por £ 1.900 — aproximadamente R$ 9.500 — para pagar o tratamento de sua filha, que precisa de um implante coclear para poder ouvir.

O Facebook pediu que os usuários denunciem esse tipo de oferta, caso as encontrem. “Qualquer indicação de venda forçada de órgãos ou de alguém oferecendo órgãos de uma criança para venda quebra nossas regras e seria removida do Facebook”, disse um porta-voz ao “Mirror”.

Anúncios

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s