Pesquisadores do AC desenvolvem linha de cosméticos à base de bambu.

Produtos foram lançados durante Expoacre, nesta sexta-feira (31).
Kits contém xampu, condicionador, hidratante, sabonetes e loções.

bambu_001

Pesquisadores da Fundação de Tecnologia do Acre (Funtac) desenvolveram uma linha de cosméticos feitos com extrato de bambu da Amazônia. A linha de produtos foi lançada, nesta sexta-feira (31), no Parque de Exposições Marechal Castelo Branco, durante a Expoacre, principal feira de negócios do estado, que se estende até o domingo (2).

Segundo a diretora-presidente da Funtac, Dirlei Bersch, o órgão já desenvolve pesquisa com diversos tipos de óleos de plantas amazônicas, como o óleo de muru muru. Com o extrato do bambu, a fundação produziu uma linha que contém xampu, condicionador, hidratante, loção adstringente, sabonete vegetal e líquido. A etapa agora, segundo ela, é disponibilizar para o setor produtivo.

“Desenvolvemos a tecnologia e testamos. A próxima etapa é transferir para o setor de produção. E podermos transferir para quem se interesse, não é exclusivo. Empresa, associação ou cooperativa que queira produzir pode buscar a tecnologia na Funtac. Vamos fazer um contrato de transferência e passar todo processo produtivo”, explica.

A Funtac produziu três linhas de produtos, fala a farmacêutica e diretora técnica do Laboratório de Produtos Naturais da Funtac. “Temos a Classe A, feita de produtos orgânicos, sem derivados de petróleo e conservantes. Tem a linha média, que é mais rústica e a mais simples, para hotéis. O extrato tem vitamina A, E e B5, que é o pantenol que revitaliza os minerais para hidratação do cabelo”, acrescenta.

Em relação ao custo de produção, Dirlei garante que é viável. “O custo fica na média de produção de outros produtos. O diferencial é o extrato desse produto, que temos em abundância na floresta. Cada empresa vai trabalhar seu processo de custo e margem de lucro, mas, de forma prática, é viável. É algo que vem da extração sustentável e produção extrativista. Tem vários componentes ambientais e sociais associados”, finaliza.

 

Fonte: g1.com

Anúncios

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s