Andressa Urach revela que cobrava R$ 15 mil por duas horas de sexo

Modelo ainda contou que viajou para Londres para se encontrar com um jogador da Seleção Brasileira, que é casado e tem filhos

A biografia de Andressa Urach, que vai ser lançada no fim deste mês, vai trazer revelações da modelo que prometem surpreender muita gente. Em detalhes divulgados pelo ‘Daily Mail’, Urach revela que, na época em que era garota de programa de luxo, chegava a cobrar R$ 15 mil por duas horas de sexo.

(Foto: Reprodução/Instagram)

“Eu me tornei, infelizmente, uma das prostitutas mais desejadas e caras do Brasil. Eu fazia presença em casas noturnas. Se tivesse um cliente interessado em me pagar para ter sexo, o negócio era feito ali com o gerente da boate. Tudo era autorizado por mim. Eu dava um sim ou não para cada proposta antes de fechar o negócio. Eu cobrava R$ 15 mil. Mas tinha uma regra rígida. Jantar, fotos ou vídeos não eram permitidos. Eu ficava apenas duas horas dentro do quarto de hotel e o pagamento tinha de ser feito antes do ato sexual”, diz ela no livro.

Em um outro trecho, Urach fala sobre quando viajou para Londres, em julho de 2012, para se encontrar com um famoso jogador da Seleção Brasileira e que cobrou 4 mil euros para passar cinco dias com ele, além de passagens, hotel e outras despesas.

“O acordo começou em uma conversa privada no Facebook. Ele disse que era casado e tinha filhos, mas me achava muito atraente. Ele me pediu discrição antes, durante e depois dos dias que passamos juntos na Inglaterra. Eu perguntei para ele: ‘Você sempre faz dessa forma?’. Ele me respondeu que sim e me disse que todo mês ele convidava uma brasileira para passar um tempo com ele e ele fazia questão de tratá-la com todo carinho e atenção. Eu questionei sobre a mulher dele, porque estava curiosa, e ele me revelou que ela não suspeitava de nada. Ela cuidava das crianças”.

Sobre a busca por fama e dinheiro, a apresentadora, que hoje é evangélica, afirmou que se submeteu a várias situações desagradáveis. “Transformei meu corpo em uma peça barata de merchandising. Eu abri minha intimidade para centenas ou até milhares de homens nos meus 27 anos de vida. Protagonizei as cenas mais humilhantes para qualquer ser humano”, disse Urach.

“Eu encontrei satisfação em infligir e receber dor em atos sexuais. Eu estava obcecada com o prazer em ser submissa e joguei fora minha honra como um pedaço de lixo. Aceitei fazer parte de orgias só para ficar próxima de pessoas famosas, achando que eles me ajudariam a pular vários degraus na vida. Cantores, homens de negócios, jogadores de futebol… Nada me impediu nos meus esforços de me tornar rica. Eu fiz tudo por fama e dinheiro, era meu objetivo”, disparou.

iBahia.com

Anúncios

AVISO: O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s